/* Excluido depois do Upgrade do Google em 25 de Outubro de 2009 Fim da exclusao */

quinta-feira, abril 28, 2016

AR-DIÁRIO: "NOVIDADES NO MUNDO AERONÁUTICO"

                              
                UM PROJETO DO NOVO SUPERSÔNICO       

Um jato supersônico de classe executiva terá telas finas embutidas nas suas paredes internas para substituir as janelas. Câmeras espalhadas pelo exterior da aeronave vão transmitir as imagens para as telas. Os passageiros poderão diminuir o brilho das telas, alterar as imagens ou desligá-las. A Spike Aerospace, que projetou o avião, afirma que a eliminação das janelas vai diminuir o arrasto aerodinâmico - as janelas "causam" grandes desafios na concepção e construção de uma fuselagem de aeronave", segundo a empresa.  Além do arrasto, as janelas exigem um apoio estrutural que representa peso adicional para os aviões. Os dois problemas poderiam ser eliminados usando microcâmeras e telas.



O S-512 terá uma velocidade de cruzeiro de Mach 1,6, por volta de 1.960 km/h. Imagem: (Spike Aerospace) -do ato supersônico.
A empresa planeja terminar a construção do primeiro jato supersônico S-512 por volta de 2018. O S-512 seria o primeiro jato executivo supersônico do mundo. Com um custo estimado em US$ 80 milhões, o jato vai transportar 18 passageiros, e a empresa afirma que ele será capaz de voar de Nova Iorque a Londres de três a quatro horas, em vez das seis a sete atuais superando o Concorde, já desativado. A velocidade dos aviões supersônicos é normalmente medida em Mach, uma unidade de medida de velocidade obtida dividindo-se a velocidade da aeronave pela velocidade do som - desta forma, a velocidade do som (1.224 km/h) representa Mach 1. O S-512 terá uma velocidade de cruzeiro de Mach 1,6 e uma velocidade máxima de Mach 1,8 - para comparação, um Boeing 777-300 tem uma velocidade de cruzeiro de Mach 0,8. Crédito: Site "Inovação Tecnológica"

quarta-feira, abril 27, 2016

AR-DIÁRIO: "EXEMPLO PARA UM PAIS DE FUTILIDADES".

Por conta da Copa e de 2014, que coincidiu com o calendário  eleitoral brasileiro, o nosso governo, foi mantendo os preços da energia elétrica e dos combustíveis abaixo da realidade. Com os olhos nas eleições o governo foi sucateando empresas pelas quais sempre lutamos e nos orgulhávamos de suas existências. Entre elas: Petrobras, Vale do Rio Doce e a Eletrobras que conta com a maior usina hidrelétrica do mundo. Pois é, enquanto isso, a  Ivanpah  Solar, a Electric Generating System, já e pôs em  funcionando esta usina que já está levando eletricidade solar para clientes na Califórnia, com toda a sua capacidade. As três torres com 140m de altura produzem um total de 392 megawatts (MW) de energia solar. Isto é eletricidade o bastante para 140 mil casas, que recebem energia limpa e evitam 400.000 toneladas métricas de CO2 por ano – o equivalente à remoção de 72 mil veículos das estradas. O empreendimento tem o Google como um dos sócios. Veja nas fotos porque o Brasil vive de chapéu na manhã. Teria o Brasil condições de promover outro grande espetáculo esportivo do mundo como os Jogos Olímpicos, na grande crise que estamos vivendo!
A construção desta usina solar teve início em outubro de 2010. No pico da construção, o projeto empregou cerca de três mil trabalhadores. Os criadores também afirmam que a usina produz energia limpa e confiável para todos.

Um dos desafios do projeto foi tornar a usina viável do ponto de vista financeiro. O objetivo do projeto é fornecer energia a preços acessíveis. São mais de 173 mil painéis para captar a energia solar, todos operados por computadores.

terça-feira, abril 26, 2016

AR-TUR- "CONHEÇA O BRASIL" (5)

SÍMBOLO DOS PRIMÓRDIOS DO NOSSO  PLANETA
O MONTE RORAIMA,  segundo estudos teria sido formado a dois bilhões de anos     antes mesmo, do surgimento dos nossos Continentes.

O Monte Roraima faz parte de um terreno montanhoso com centenas de outras montanhas e montes chamados de Tepuis localizado ao Sul da Venezuela (área escalável), extremo Norte do Brasil e Oeste da Guiana constituindo a tripla fronteira. Fica na Serra de Pacaraima,o ponto mais alto da Guiana,e a décima maior formação rochosa brasileira, com 2.739,30 metros de altitude. O Roraima destaca-se por possuir características únicas.
Estima-se que tenha se erguido há mais de 2 bilhões de anos, período em que nem sequer os continentes tinham se separado e adquirido a forma que possuem atualmente. Umas das peculiaridades que mais o diferenciam de quaisquer outros montes é o fato de se parecer com uma imensa "mesa", ou seja, seu topo é plano (e possui cerca de 90 km de extensão). Além disso, escorrem do monte milhões de litros de águas formando várias cachoeiras.
Na Venezuela os índios a chamam de "mãe das águas". Sua fauna e flora muito rica, contem várias espécies endêmicas. Seu cume pode ser alcançado por expedições a pé, feita por pessoas vindas de todo o mundo, iniciadas geralmente pelo lado venezuelano, a partir da cidade de Santa Elena de Uairén. A caminhada deve ser feita com auxilio de guias experientes que podem ser contratados no início da trilha, e pode levar até 2 dias somente para alcançar o cume. Geralmente toda a expedição, com visitação a vários pontos do cume leva 7 dias, incluindo subida e descida.

segunda-feira, abril 25, 2016

O brilho das rotas

 O brilho das rotas de tráfego aéreo


Um consultor canadense desenvolveu um sistema de visualização das rotas de tráfego aéreo ao redor do globo ao redor  que recria o mapa-múndi.
Michael Markieta achou desnecessário usar recursos  para ajudar o público a identificar diferentes partes do mundo. Seus mapas iluminados mostram que as rotas aéreas traçam a silhueta dos maiores continentes, revelando que os seres humanos preferem morar perto da costa.
O consultor deu início ao projeto durante seu tempo livre e utilizou a tecnologia do Sistema de Informações Geográficas (GIS, na sigla em inglês) para criar mapas a partir dos dados obtidos.
Atualmente há 58 mil rotas aéreas cruzando os céus nos cinco continentes. Nos mapas revelados por Markieta não causa surpresa o fato de que os pontos mais brilhantes aparecem em áreas onde muitas rotas seguem o mesmo trajeto e têm como destino as maiores cidades do mundo.
/* Atualizacao do Google Analytics em 25 de Outubro 2009 */