/* Excluido depois do Upgrade do Google em 25 de Outubro de 2009 Fim da exclusao */

sexta-feira, março 25, 2011

ATÉ PARECE VERDADE !
Na sala Imax o espectador tem a sensação de estar participando do filme.
Cena do filme "Fundo do Mar 3 D", biodocumentário que inaugurou o primeiro Imax de São Paulo, no Shopping Borbon (zona oeste)
Eu fiquei empolgado quando assisti pela primeira vez nas dependências da NASA, em Houston, TX, um documentário com imagem interativa e som da mais alta pureza, e que há mais de um ano já funciona na capital paulistana o que há de mais moderno em matéria de projeção cinematográfica até o momento, o sistema Imax. Para quem mora ou visita ou São Paulo, a capital paulistana conta com a Sala Imax brasileira, com tela de 14 m x 21 m, é a primeira sala de cinema brasileira com tecnologia Imax, capaz de exibir filmes em 2D e 3D, no Espaço Unibanco de Cinema Pompeia, localizado no shopping Bourbon (região oeste da capital paulista). O biodocumentário "Fundo do Mar 3D", dirigido pelo oceanógrafo Howard Hall, foi escolhido para inaugurar a programação do espaço, que tem a pretensão de se tornar um ponto turístico da capital paulista.
Com um telão de 21 metros de comprimento e 14 metros de altura - para ter uma ideia da diferença, as outras salas do complexo têm 11 m x 4,68 m ou 9,60 m x 4,08 m -, o ambiente foi projetado em arquibancada, o que promete facilitar a visão de diferentes pontos do local. Estão disponíveis 327 poltronas e sete lugares para portadores de deficiência. Para a ativação do efeito 3D, são utilizados dois projetores. Os óculos 3D separam as imagens, ficando uma em cada lente, cabendo ao cérebro humano o papel de juntá-las novamente.
O desenho da sala e sua tecnologia podem proporcionar uma sensação de estar dentro do filme.
Ao entrar na sessão, cada espectador receberá um óculos, que deve ser devolvido ao final da projeção. Após higienização, os visores voltam para novas exibições.
A programação da sala será composta pelos principais filmes de Hollywood em 2D e em 3D, produzidos com a tecnologia Imax. o cinema está localizado à rua Turiassu, 2.100, 3º andar, Perdizes, região oeste, São Paulo, Tel.: 11/3673-3949.
Tcnologia da sala que abriu no início deste ano, aliada ao seu desenho, propicia ao espectador a sensação de estar dentro do filme.

quinta-feira, março 24, 2011

A ORIGEM DA FUNÇÃO DE AEROMOÇA

EM 30 SURGE A FUNÇÃO DE ASSISTENTE DE BORDO
Uma reivindicação da enfermeira Ellen Church, na porta de um avião DC-3Apaixonada por aviação e por não poder pilotar, por ser mulher, Ellen, sugeriu à Boeing Air Transporte que colocasse enfermeiras a bordo dos aviões para cuidar da saúde e da segurança dos passageiros durante o voo. As primeiras mulheres contratadas deveriam ser solteiras, não terem filhos, e obedecer a um padrão de peso e altura, porém, o salário, seria simbólico e direitos ou regalias, zero.
A idéia fez muito sucesso, pois as mulheres a bordo inspiravam segurança aos passageiros, até porque a mulher era considerada uma figura frágil, sem coragem para se meter em grandes aventuras, logo, se as mulheres trabalhavam a bordo, o avião não era tão perigoso quanto se pensava.
Ma a Segunda Guerra Mundial, originou a convocação das enfermeiras para os campos de batalha, e as companhias aéreas então começaram a colocar mulheres, a bordo, com outro perfil, e com uma formação direcionada, ao atendimento dos passageiros. Tudo isso sem perder o charme e a elegância, já que a profissional representaria a empresa.
Com o aumento do número de passageiros, a assistente, já não era suficiente para dar a devida atenção, aos mesmos, e foi então, que se criou um novo posto de trabalho (o de aeromoça), em que o charme e a delicadeza da mulher, já não eram suficientes, e ao contrário de... "e Deus criou Eva, a partir, de uma costela de Adão," a necessidade, e até para evitar que a mulher partisse alguma costela, foi criada a profissão de Comissário de Bordo. Deles, falaremos outro dia...

terça-feira, março 22, 2011

MUNDO ANIMAL

LUTA E MUITA SAGACIDADE PELA VIDAO fotógrafo Vadim Onishechenco, especialista em acompanhar a vida selvagem, capturou este ataque de um Leopardo contra um rebanho de Gnus. Observe que o felino consegue se aproximar sem ser percebido graças a sua camuflagem. De repente o Leopardo lança um ataque surpresa, mas é duramente rechaçado por um dos Gnus. Este é apenas um pequeno intervalo para uma luta que nunca termina. Haja filme para registrar esses momentos.
Um fotógrafo ucraniano flagrou um leopardo atacando um grupo de gnus à beira de um rio no Parque Nacional Masai Mara, no Quênia. No ataque, o felino consegue se aproximar do rebanho se aproveitando do efeito da camuflagem de sua pele, que se confunde com o mato na região.
O fotógrafo, o ucraniano Vadim Onishchenko, de 31 anos, capturou as imagens de alguns metros de distância, observando os animais de um carro estacionado do outro lado do rio.
Onishchenko contou que o animal chegou a um metro de distância dos gnus, sem ser percebido.
Mas, ao lançar um ataque-surpresa, o felino acabou sendo duramente rechaçado por um dos gnus, e acabou desistindo da empreitada.
Fonte:

segunda-feira, março 21, 2011

AS USINAS NUCLEARES

O MUNDO ACOMPANHA ESTUPEFATO O DRAMA DO JAPÃO Depois do maior acidente nuclear da história, em Chernobil, abril de 1986, o mundo acompanha com muita preocupação os últimos acontecimentos, que estão ocorrendo no Japão, atingido há cerca de 10 dias, por forte terremoto seguido de tsumani, que atingiram especialmente a região norte do arquipélago. Se esses dois fenômenos da natureza, já não fossem mais do que suficiente, juntos causaram um terceiro problema de gravidade imprevisível, ao atingirem quatro usinas nucleares (foto) No blog de hoje vamos dar um panorama dos tipos de energia geradas no mundo, especialmente, as usinas nucleares, quantas existem e qual os principais países que fazem uso dessa energia, que não só preocupa as autoridades japonesas e sua população, como todo o mundo, inclusive até aqueles países que não usam essa energia mas que vivem momentos dramáticos com o que está ocorrendo, e com as informações desencontradas que estão sendo veículadas élas os principais mídias do mundo.

Atualmente no mundo, a participação da energia nuclear (como mostra a foto), ainda é pequena, se comparada com a grande quantidade de centrais térmicas baseadas no carvão, principal matéria prima energética do início do século, e do óleo, derivado do petróleo. Mas já pode ser comparada à quantidade de hidroelétricas, que foram as mais construídas durante os últimos anos.
Nos dias de hoje estão em operação, ao redor do mundo, 434 centrais termoelétricas, em grande parte concentradas na América do Norte: EUA e Canadá e Europa, em especial a França e o Leste Europeu, do antigo Bloco Socialista.
Apesar dos vários movimentos governamentais em busca de parar a construção de usinas nucleares, há atualmente 36 centrais em construção em 14 diferentes países, evidenciando que essas centrais ainda serão responsáveis por grande parte da energia elétrica gerada no globo.
De todos os países detentores da tecnologia nuclear, e que já implementaram centrais nucleares, 19 deles possuem mais de 25% da geração nuclear.

quinta-feira, março 17, 2011

VENENO MORTAL

DEPOIMENTO DE QUEM JÁ FOI PICADO POR UMA CASCAVEL
O professor de biologia Brayd Hamilton, do estado do Texas (EUA), foi picado por uma cobra cascavel. Aqui ele conta com detalhes, o acidente que quase o levou a morte.

Leia o depoimento do biólogo Brayd, naturar do Texas- EUA: "Eu ia fazer uma demonstração para os meus alunos, quando de repetente vi cruzando a pista uma enorme cascavel diamante. Fiquei empolgado, além da conta.- A cabeça dela era maior do que meu pulso, pesava entre 5 e 7 quilos e media uns 2,30. Parei o carro na mesma hora. Lembrei é que estava sem o meu equipamento: anzol e rede. Fiquei animado quando vi essa cobra tão grande. Os meus alunos nunca tinham visto uma cascavel dessas. Por isso eu queria muito pegá-la, como uma aula natural para eles. Ela parou na hora e assumiu uma postura defensiva. Seu guiso era tão alto que parecia uma serra elétrica. A essa altura ela já estava suspensa pronta para o ataque. E quando ela tentou fugir consegui pegá-la com a mão esquerda. Isso é coisa que não se faz, foi uma estupidez de minha parte. Ela podia me atacar enquanto eu a segurava, ou se eu a soltasse, e como ela estava muito agitada poderia atacar um dos meus alunos. Eu estava num grande dilema. Ela tentou picar meu rosto, quando tentei recuar ela me atacou. O professor que me acompanhava falou: - "Você tem que ir para o hospital" - "30 0u 40 segundos depois a dor começou. Cinco minutos depois a dor chegou a um nível tão alto que parecia que eu tinha colocado meu braço numa fogueira. Só depois de uma hora é que ao hospital. Quando lá cheguei o meu peito e toda parte do meu braço estavam ficando enormes. Não conseguia respirar por causa da dor insuportável. Qundo os médicos me examinaram, viram que eu tinha perdido muito sangue, e por isso pensavam que eu eu não seria salva. Não podiam me colocar sondas porque o tecido estava destruido. Só coseguiram colocar agulhas em algumas veias em melhores condições. Em seguida passei a ter espasmos e sentir todo meu corpo tremer. Ficou ainda mais dificil repirar. So quando ficou claro que poderia sobreviver, é que eles passaram a corrigir as lesões. O organismo já tinha sofrido tanto interno e externamente. Especialistas foram chamados para exames nos tecidos para salvá-los. Aplicaram-me asteróides prá ver a minha reação. Só muitos meses depois minha mão parou de sangrar completamente. O veneno da cobra apodeceu os ossos da minha mão esquerda. O polegar ficou fundido permanentemente e não consigo estendê-lo direito. O único dedo que está normal é o dedinho (dedo anular) e como o osso não está preso as articulações da até para girá-lo. Eu que sempre lidei com esses répteis, mas nunca podia imaginar que o veneno deles pudesse causar tanto sofrimento a um ser humano. Vi a morte de perto, e não esperava sobreviver."

terça-feira, março 15, 2011

MUNDO ANIMAL

CONHEÇA O PEIXE MAIS VENENOSO DO MUNDOAnote o nome dele: HalophryneTrspinosus, ou Peixe Pedra para os íntimos.
Nome comum: Peixe Pedra - Nome em inglês: Three-Spined Frogfish - Nome científico: Halophryne trispinosus - Origem: Australia, Tailândia, Indonésia e Nova Guiné - Temperamento: Agressivo, glutão e noturno - Comprimento maximo: 30 cm.

Saiba mais sobre o Peixe-Pedra:
Com mais de 1.200 espécies, os peixes venenosos são bem mais numerosos que todas as cobras e invertebrados venenosos juntos. Os mais famosos peixes venenosos incluem o peixe-pedra, a lampréia, o peixe-leão e o peixe-escorpião. Estes peixes têm a capacidade de produzir suas próprias toxinas e injetar veneno através de espinhas localizadas nas barbatanas, tentáculos ou ferrão. Mais de 50 mil ferimentos são registrados anualmente. Destes, a maioria é constituída de bolhas, mas se não forem tratadas a tempo, podem levar à morte.
O peixe-pedra é considerado o peixe venenoso mais perigoso. É encontrado em águas rasas nos Oceanos Pacífico e Índico, e mede entre trinta e sessenta centímetros. Sua dieta consiste principalmente em peixes pequenos e crustáceos. Sua cor marrom-esverdeada confere ao peixe-pedra a capacidade de se camuflar entre as pedras em recifes tropicais, transformando-o num alvo fácil de ser pisado acidentalmente por uma pessoa. A região dorsal tem espinhos que liberam uma toxina venenosa. Se ela for injetada em uma pessoa, causa dor intensa. Dependendo da profundidade da penetração no ferimento, pode ocorrer choque, paralisia e morte de tecidos. Se não for tratada nas primeiras horas, o nível de toxidade pode ser fatal para os seres humanos.

segunda-feira, março 14, 2011

GRANDES TRAGÉDIAS

"AR".EXTRA: TERREMOTOS:.
OS.5.MAIS.VIOLENTOS; E.OS 5.MAIS MORTAIS
O Japão, um arqupélago asiático com cerca de 377 milhões de m2, com população de 130 milhões de habitantes aproximadamente, nos últimos dias virou manchete dos veículos de comunicação de todo o mundo, quando na última 6a. feira, a egião norte do país sofreu o maior abalo da história: 9,0 graus, seguido de tsunamis com ondas de até 10 m de altura (na foto atual à esq.). Esta tragédia tem causado muita comoção em todo o mundo. Quanto ao número de mortos, até o momento é de 763 e 639 desaparecidos. (Se os números oficiais forem se mantedo, e assim esperamos), o atual evento, vai ficar longe nas estatísticas das tragédias que causaram maior número de mortes. Porém, nesta, há um agravante: o vazamento agora da 3a. usinas nuclear. O próprio Japão, já sofreu um terremoto em 1923, que matou 143 mil pessoas.
Há 50 anos, o Chile na América do Sul, com área territorial de 377 milhões de km2 e população (atual) de 36 milhões, foi atingido pelo mais forte terremoto da história mundial: 9,5 graus de magnitude, matando cerca de 2 mil pessoas, a maioria residente em Valdívia, a cidade mais atingida. Esse número só não foi maior porque as cidades chilenas (com exceções) não são de grande porte e são distantes umas das outras, ao contrário do Japão.
No último sábado, enquanto acompanhávamos a tragédia do Japão, o Chile voltou a sofrer um abalo sísmico, desta vez de magnitude
8,8 graus,
matando ao menos 723 pessoas, segundo contagem até o momento.
Os terremotos mais violentos da história:1º) Valdívia (Chile) em 1960: (foto à esq.):terremoto de magnitude 9,5. O tremor do dia 22 de maio matou cerca de 2 mil pessoas, deixou 3 mil feridos e 2 milhões de desabrigados. O tsunami gerado pelo terremoto também causou estragos no Havaí, Japão, Filipinas e na costa oeste dos Estados Unidos. 2º) Alasca (EUA) - 1964: terremoto de magnitude 9,2 Em 27 de março daquele ano, um abalo sísmico fez 15 vítimas fatais e gerou um tsunami que matou outras 128 pessoas. Seu epicentro ocorreu em Prince William Sound, sul do Alasca.
3º) Sumatra (Indonésia) - 2004: terremoto de magnitude 9,1 Um tremor a 30 quilômetros de profundidade no oceano Índico, iniciado no dia 26 de dezembro a 160 quilômetros da costa oeste da ilha de Sumatra, Indonésia, causou o tsunami de 2004. Estima-se que 230 mil pessoas morreram em 14 países da região. 4º) Kamchatka (Rússia) - 1952: terremoto de magnitude 9,0; em 4 de novembro de 1952, abalo sísmico na península de Kamchatka, extremo oeste da Rússia, gerou ondas gigantes que chegaram até o Havaí, causando prejuízos financeiros de até US$ 1 milhão, mas nenhuma vítima fatal. 5º) Japão - 2011: terremoto de magnitude de 9,0; graus.

Os terremotos mais mortais desde 1900:1º) Província de Tangshan (China), 1976- Tremor de 7,5 graus, matou 255 mil pessoas. 2º) Sumatra (Indonésia), 2004- (Na impressionante foto principal), no qual cerca de 230 mil pessoas morreram por causa das ondas geradas pelo terremoto de magnitude 9,1. 3º) Haiti - em 2010 - Este recente abalo sísmico de magnitude 7,0 - vitimou 222 mil pessoas. 4º) Província de Ningxia (China)- 1920. Estima-se que 200 mil chineses morreram por causa do tremor de magnitude 7,8. 5º) Kanto (Japão)- 1923- Essa região japonesa passou por um terremoto de magnitude 7,9 e provocou.a.morte.de.143.mil.pessoas..
O.deste.ano,.até.o.momento..matou.oficialmente: 2.000.pessoas.e.10.000.estão desaparecidas. (Os últimos dados coletados foram às 10h desta 2a.feira.)
Aqui em nossa blog, clicando o ESTADO DE S. PAULO, você terá informações sempre atualizadas, sobre o terremoto no Japão e outras notícias importantes.)(Fonte: Agência Geológica dos Estados Unidos (USGS)

quarta-feira, março 09, 2011

NATUREZA

Cientistas descobrem colônia de estrelas-do-mar - (Fonte: Agência EFE)Um grupo de cientistas descobriu no pico de uma das cordilheiras marinhas que rodeiam a Antártida uma gigantesca colônia de estrelas-do-mar, que recebeu o nome de Cidade das Estrelas, e que desafia os conhecimentos tradicionais das montanhas marítimas. Recentemente, uma expedição de cientistas, capturou as primeiras imagens de uma gigantesca colônia de estrelas-do-mar formada por dezenas de milhões de exemplares no pico de uma das montanhas da cordilheira submarina, uma descoberta inesperada e que os pesquisadores chamaram de Cidade das Estrelas. A descoberta desta colônia em massa foi um dos principais achados da expedição, mas, como disse à Agência Efe, Ashley Rowden, um dos cientistas do Instituto Nacional de Pesquisa Aquática e Atmosférica (NIWA, em inglês) da Nova Zelândia, a informação coletada está começando a ser analisada."Em alguns casos, as primeiras conclusões começarão a ser conhecidas em um ano. Em outros, demoraremos até três anos", afirmou Rowden.O pesquisador explicou que a cordilheira Macquarie é uma cadeia montanhosa que se estende ao longo de mais de 1.400 quilômetros e é um dos poucos lugares onde a Corrente Circumpolar Antártica se desvia. A corrente é como um gigantesco rio submarino que conecta os Oceanos Atlântico, Pacífico e Índico e circula em sentido horário em torno do Pólo Sul. Os pesquisadores constataram que a corrente circula através dos desfiladeiros e dos picos da Macquarie a uma velocidade de 4 km/h.O doutor Mike Williams, outro membro da expedição, explicou que a essa velocidade extrema "estima-se que a corrente seja entre 110 e 150 vezes maior do que toda a água que flui de todos os rios do mundo". Os membros da expedição destacaram que acreditam que é a velocidade da corrente que permite a existência de uma colônia em massa de estrela-do-mar. Rowden disse que, para sobreviver, os equinodermos "só precisam estender os braços e capturar os nutrientes que são empurrados pela corrente", e a força da água os protege dos predadores. Outro dos aspectos que mais chamou a atenção dos cientistas é que, embora a base da montanha marinha onde fica a colônia de estrelas-do-mar fique a 850 metros da superfície da água, e seu pico está a apenas 90 metros de profundidade. "Com nossas observações preliminares, acho que talvez precisemos questionar as divulgações prévias sobre as montanhas marinhas", "Estamos realmente entusiasmados de ver tamanha quantidade de estrelas marinhas em Macquarie, em relação à singularidade das montanhas marinhas que podem ser de grande alcance", e acrescentou. "Nós cientistas consideramos que haja 100 mil montanhas submarinas de pelo menos mil metros de altitude" concluiu Rowden.

sexta-feira, março 04, 2011

NATUREZA EXUBERANTE

As maravilhosas TORRES DEL PAINEO Chile, na América do Sul ,é dotado de uma beleza privilegiada e diversificada, como mostram estas fotos que dão uma resumida idéia de todo deslumbramento das Torres del Paine. Mas o objetivo desta matéria, além do preciosismo das imagens é indicar COMO VOCÊ PODE CHEGAR AO PARQUE NACIONAL TORRES DEL PAINE. O Parque Nacional Torres del Paine está localizado na 12ª Região do Chile, entre o maciço das Cordilheiras dos Andes e a planície Patagônica, na província de Ultima Esperanza, onde se encontram uma das Torres del Paine.As vias de acesso ao Parque Nacional Torres del Paine, ficam abertas o ano todo e são administradas pela CONAF - Corporación Nacional Forestal, www.conaf.cl. Suas portarias de acesso, distam 115km aproximadamente, e se encontram em Puerto Natales. As duas portarias de Sarmiento e Laguna Amarga, ficam abertas das 8h30 às 20h30, durante todo o ano.A forma mais recomendada para se chegar a Torre del Paine, é por via aérea de Santiago a Punta Arenas, a cidade mais importante da região e de fácil acesso a essa maravilha da natureza. A Lan-Chile tem vôo diário até Punta Arenas, com duração de 4h15, com uma escala em Puerto Montt. Do aeroporto de Punta Arenas até Puerto Natales (região da Torres) há uma distância de 226 km.

quinta-feira, março 03, 2011

CURIOSIDADES DO MUNDO

YUMAI, A MENOR ALDEIA DA CHINANum ponto qualquer dessa imensidão das Cordilheiras do Himalaia, na parte do Tibete, encontra-se a aldeia de Yumai (foto), no município de Lhunze, com apenas 27 habitantes. Quando você estiver num trânsito engarrafado de uma grande cidade lembre-se de Yumai, com suas sete casas e 27 habitantes, que caberiam numa perua escolar.
Esta localidade, não é do tipo das cidades que estão desaparecendo por falta de habitantes, ao contrário, ela vem crescendo lentamente e já recebe alguns melhoramentos. Há 10 anos Yumai era habitada por uma só família, a Sang Qu Ba, o pai, secretário do Partido Comunista, duas filhas, a visinha Zong Yang e a prefeita da aldeia, Zhuo Ga. Como encontamos essa cidade perdida do Himalai? É que recentemente a agência Chinanews, divulgou que os 27 moradores, da aldeia, que ficavam ainda mais isolados do mundo no inverno, com as nevascas, agora pelo já estão ligados ao mundo moderno. No ano passado, a aldeia passou a contar com serviço de telefonia celular, da China Mobile, a maior empresa de telefonia do mundo em número de clientes: mais de 300 milhões de usuários.
< Neste mapa, o Tibete (em verde claro). Na (seta preta) está localizado o munícipio de Lhunze, ao qual pertence a aldeia de Yumai dentro de um oval indicado e por uma s(eta amarela) encravada no Himalaia, entre o Everest (teto do mundo: 8.848m) e Kashenjunga (8.598m).
Um resumo histórico do Tibete
A causa da independência do Tibete ganhou força perante a opinião pública ocidental após o massacre de manifestantes pelo Exército chinês na praça da Paz Celestial em 1989. A partir desse período, Dalai Lama passou a ser recebido por chefes de Estado, o que provoca até hoje protestos chineses. No início de 1999, o governo chinês lançou uma campanha de difusão do ateísmo no Tibet. A fuga do Karmapa Lama causou embaraço à China, que é o país mais populoso do mundo, e com grande crescimento econômico. A China se expandiu de tal maneira que seus produtos invadiram os mercados mundiais ameaçando seriamente a concorrência. O problema com o Tibete, durou muito tempo, até que há 50 anos foi invadido pela China e a ela anexado desde então. Muitos tibetanos foram mortos e torturados e seu representante politico o Dalai-Lama se exilou, na India.

quarta-feira, março 02, 2011

RARIDADES DO ATACAMA

OS GÊISERS DE TATIO CHILENOS
(Créditos: Roberto Ianelli e Lincoln Kirsten)
>Fotos: 1- Este Gêiser jorra água quente logo ao amanhecer a uma temperatura de 100°C. 2- O da (foto abaixo), também está em plena a atividade a (4.000 mil m. de altura), numa região vulcânica, a 80 km da cidade de San Pedro de Atacama, no Chile.
Recentemente visitamos o Deserto do Atacama, no Norte do Chile, perto de Bolívia e Perú, uma região que praticamente não conhece chuva. Nessa viagem imperdível, além de conhecermos várias de suas atrações, não poderiamos deixar de conhecer os Gêisers de tatio, mesmo desaconselhados pelos funcionários do modesto hotel em que nos hospedamos, pelo risco que eles oferecem, inclusive já causar a muitas mortes de turistas mais ousados, atingidos pelas suas águas que ao esquicharem do solo, podem atingir temperaturas de até 100°C,. Porém, o espírito curioso de jornalista, nos impeliu a percorrer uma estrada de terra de aproximadamente 100km, até chegarmos a poucos metros dos gêisers em plena atividade.
Um Gêiser é uma nascente termal que entra em erupção periodicamente, lançando uma coluna de água quente e vapor para o ar. O nome Géiser provém de Geysir, nome de uma nascente eruptiva em Haukadalur, na Islândia; este nome deriva por sua vez do verbo gjósa, "jorrar".
A formação de géiseres requer uma
hidrogeologia favorável, por isso eles existem apenas em poucos locais na Terra; logo são fenômenos razoavelmente raros. Existem cerca de mil em todo o mundo, e metade destes no Parque Nacional de Yellowstone nos Estados Unidos,
na Patagônia e no Atacama (Chile).
A água subterrânea que se encontra nas fissuras, cavidades e lençóis freáticos, em contato com rochas e principalmente lavas vulcânicas encontradas abaixo, vão aquecendo-a gradualmente. A elevada pressão atinge um ponto crítico, e ela entra rapidamente em ebulição. Esse vapor, faz a água subir de forma violenta, em forma de jato, dando origem a manifestação de vulcanismo. Esses jatos podem atingir cerca de 80 metros de altura e apresentar temperaturas que variam de de 70ºC. a 100ºC.
Os Gêiseres de Tatio, estão entre as maiores atrações do deserto do Atacama, é cercado por vulcões, lindas lagunas como a Miscante, o Vale dos Flamingos e o fantástico Vale da Lua.

terça-feira, março 01, 2011

FÍSICA

O que aconteceria com um objeto atirado num buraco que unisse Brasil/ Japão ? É claro que seria impossivel realizar essa experiência (entre outras razões, porque o centro da Terra é feita de metal fundido), mas dá para prever o que aconteceria aplicando a lei de gravitação universal, formulada por Isaac Newton. "Em uma situação ideal, sem atrito, o objeto atravessaria a Terra até o outro lado do tubo", diz Elcio Abdalla, físico da USP. Com a aceleração da gravidade, o objeto desceria com velocidade cada vez maior, atingindo cerca de 20 mil quilômetros por hora no centro da Terra. A partir dai, ele continuaria rumo ao Japão, por causa da inércia e a gravidade, que puxa tudo para o centro da Terra, passaria a funcionar como força de desaceleração. O Objeto viajaria com velocidade decrescente, chegando ao Japão com velocidade zero. "Em seguida ele voltaria ao ponto inicial, cumprindo um movimento harmônico ideal, como se fosse uma mola", afirma Abdalla. Dá para calcular até o tempo de viagem, fazendo uma conta que considera a aceleração da gravidade e o diâmetro da Terra. Seriam cerca de 90 minutos para ir ao outro lado do mundo e voltar.
Mas...e se considerarmos a força do atrito? "Numa situação real, o objeto enfrentaria o atrito do ar, o que o faria parar", diz Abdalla. A partr de um determinado momento, que depende da forma do objeto, a velocidade se estabiliza por causa da força do atrito. "Com a perda de acelereção, ele diminuiria gradualmente a distância percorrida, até parar no meio da Terra, onde está o centro de atração gravitacional." O professor estima que, se o objeto fosse um corpo humano, a velocidade-limite ficaria uns 100 quilômetros por hora, e a viagem ao centro da Terra demoraria cerca de 100 horas.
/* Atualizacao do Google Analytics em 25 de Outubro 2009 */