/* Excluido depois do Upgrade do Google em 25 de Outubro de 2009 Fim da exclusao */

quinta-feira, julho 30, 2015

RELÍQUIAS DA HUMANIDADE (Neuchwanstein)

O MAJESTOSO CASTELO DE NEUCHWANSTEIN 
 Hoje reapresentaremos, nosso blog mais visto ao longo de 8 anos  O Castelo de Neuschwanstein (em alemão: Schloss Neuschwanstein, (novo cisne de pedra) é um castelo alemão construído na segunda metade do século XIX, perto das cidades de Hohenschwangau e Füssen, no sudoeste da Baviera, a poucas dezenas de quilômetros da fronteira com a Áustria.
Resumo Histórico: A sua construção foi iniciada pelo rei Luís II da Baviera, o Louco. Deve o seu nome a uma das óperas de Wagner, Lohengrin, onde aparece o Cisne da Noite. O traço do castelo deve-se a Christian Jank. Situa-se próximo de Hohenschwangau, um outro castelo, restaurado pelo pai de Luís, Maximiliano II da Baviera. Devido às suas excentricidades, diz-se (aparentemente sem razão) que Luís usou parte do erário público bávaro para financiar a construção do castelo (na verdade, parece que usou apenas as suas próprias riquezas). De qualquer forma, Luís cometeu suicídio em 1886, antes de ver a sua obra-prima completa; pouco depois, o castelo com o seu esplêndido recheio foi aberto ao público.

terça-feira, julho 28, 2015

"A FÉ DEVERIA SER A MAIOR ALIADA DA PAZ"

PEREGRINAÇÃO À MECA
A peregrinação à Meca, cidade natal de Maomé, é para os muçulmanos, a cidade mais sagrada do planeta, e isso a transformou num espetáculo visual. Essa peregrinação é chamada Hajj. Em Meca existe uma grande mesquita que abriga em seu interior uma Caaba. A Caaba é coberta por um manto negro que contém várias inscrições bordadas em ouro. Dentro da Caaba está a rocha sagrada que, segundo a tradição, caiu do céu e foi ofertada a Abraão. A rocha que era branca então ficou negra ao absorver os pecados do homem. O devoto muçulmano deve dar 7 voltas ao redor da Caaba e depois beijar a pedra sagrada. Os peregrinos também atiram pedras, 49 no total, em três pilares que representam o demônio. Todos os peregrinos vestem o mesmo traje simples, composto de dois pedaços de tecido branco sem costura, um amarrado na cintura e outro colocado sobre o ombro. Essa tradição representa a igualdade dos fiéis aos olhos de Alá (Deus). É um lugar é proibido para não-muçulmanos, porém, Sir Richard Burton em 1853, após muito planejamento e preparo, disfarçado de médico afegão, viajou para Medina e para Meca, onde visitou e fez esboços dos templos sagrados do Islã, correndo grande risco. Embora não tenha sido o primeiro ocidental a empreender tal viagem (a honra coube a Ludovico Barthema (1503); A sua viagem, teve o apoio da Royal Geografhical, conseguindo a melhor documentação. Ela narra as suas impressões pessoais de uma viagem à Medina e Mecca (1855-1856), uma verdadeira visão enciclopédica do mundo islâmico, considerada a sua mais importante narrativa de viagem. Fotos: 1a. peregrinos em viajem à Meca; 2a. O incrível número de pessoas no interior da Mesquita.

segunda-feira, julho 27, 2015

"ANIMAIS EXÓTICOS"

AS ESTRANHAS ÁGUAS VIVASA Águas Viva (foto), Medusas ou Alforrecas são animais pertencentes ao filo Cnidaria e à classe Scyphozoa, mas também se usam estes nomes vulgares para os representantes das classes Hydrozoa e Cubozoa. Quase todas as águas vivas ou medusas vivem nos oceanos como componentes do plâncton.
Como todos os cnidários, o corpo delas é basicamente um saco com simetria radial formado por duas camadas de células - a epiderme, no exterior, e a gastroderme, no interior - com uma massa gelatinosa entre elas, chamada mesogleia e aberto para o exterior. Ao redor da abertura, chamada ar-quente, as águas vivas (medusas) ostentam uma coroa de tentáculos com células urticantes, os cnidócitos capazes de ejetar um minúsculo espinho que contém uma toxina, o nematocítos, As águas vivas usam estes "aparelhos" não só para se defenderem dos predadores mas também para imobilizarem uma presa, como um pequeno peixe, para se alimentarem. O corpo é formado por entre  95 e 99% de água.
Anatomia das águas vivas e dos demais animais pertencentes a "filo cnidaria"
Como todos os
cnidários, elas têm nos tentáculos células urticantes chamadas cnidócios que produzem os nematocitos, os túbulos urticantes. Quando uma presa entra em contato com um tentáculo, centenas ou milhares de nematocistos são ejetados sobre a presa, paralisando-a. Com os tentáculos, o animal leva a presa para a "boca" - por onde entra na cavidade central - para ser digerida

domingo, julho 26, 2015

"DICAS DE DOMINGO"

INHOTIM, UM BELO MUSEU A CÉU ABERTO
O Brasil tem uma natureza rica e diversificada. Pena que damos preferência a lugares mais badalados, relegando ao esquecimento locais da maior singularidade, como o O Instituto "Inhotim", um complexo museológico original, constituído por uma sequência não linear de pavilhões em meio a um parque ambiental,  localizado em Brumadinho, a 60 quilômetros da capital mineira. Suas ações incluem, além da arte contemporânea e meio ambiente, iniciativas nas áreas de pesquisa e de educação. É um lugar de produção de conhecimento, gerado a partir do acervo artístico e botânico da mais exuberante beleza.
Inhotim caracteriza-se por oferecer um grande conjunto de obras de arte, expostas a céu aberto ou em galerias temporárias e permanentes, situadas em um Jardim Botânico, de rara beleza. O paisagismo teve a influência inicial de Roberto Burle Marx (1909-1994) e em toda a área são encontradas espécies vegetais raras, dispostas de forma estética, em terreno que conta com cinco lagos e reserva de mata preservada. O Instituto Inhotim, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP, além desses espaços de estética e de entretenimento - que lhe garantem um lugar singular entre outras instituições do gênero. Desenvolve também pesquisas na área ambiental, ações educativas e um sisignificativo programa de inclusão e cidadania para a população do seu entorno.
Arte Contemporânea
O acervo artístico abriga mais de 500 obras de artistas de renome nacional e internacional, como Adriana Varejão, Helio Oiticica, Cildo Meireles, Chris Burden, Matthew Barney, Doug Aitken, Janet Cardiff, entre outros. O Inhotim se diferencia de outros museus por oferecer ao artista condições para a realização de obras que apenas em seu parque poderiam ser construídas.
Jardim Botânico
Em uma área de 97 hectares, o Jardim Botânico conta com diversas coleções botânicas entre as quais se destacam a de Aráceas, uma coleção de orquídeas da espécie Vanda, com 350 indivíduos de diferentes espécies e, ainda, uma das maiores coleções de palmeiras do mundo com mais de 1.400 espécies. Pesquisas e projetos botânicos e paisagísticos são desenvolvidos por órgãos governamentais e privados.

quinta-feira, julho 23, 2015

"AVIAÇÃO E SEUS EFEITOS":


ROMPENDO A BARREIRA DO SOM

É quando o som se propaga no ar em ondas concêntricas, como faz uma pedra ao cair em um lago. A barreira do som é o limite de velocidade em que um avião pode se deslocar no ar sem atropelar as ondas sonoras emitidas por ele mesmo. A velocidade de som no ar é de 340 metros por segundo (1.200 km/h), aproximadamente. À medida que o avião acelera, essas ondas vão se juntando e ficando como empilhadas à sua frente, como uma série de barbantes entrelaçados. Quando o avião finalmente consegue superar a velocidade das ondas, rompe esse cordão imaginário.
ULTRAPASSAGEM TROVEJANTE
O avião supersônico atropela as ondas sonoras emitidas por ele mesmo, provocando um grande estrondo."No momento em que a velocidade do som é ultrapassada, ouve-se um estrondo. É a isso que chamamos romper a barreira do som", diz o físico Carlos Luengo da Unicamp. Uma vez rompida a barreira, não há mais estrondos, pois, embora as frentes de ondas continuem a se propagar, elas vão ficando para trás e o voo prossegue totalmente silencioso. O primeiro voo supersônico foi realizado em 14 de outubro de 1947, pelo americano Chuck Yeager, pilotando um Bell X-1. De acordo com Luengo, os primeiros aviões a ultrapassar a barreira faziam isso em queda livre.

quarta-feira, julho 22, 2015

"NOVA RECEITA PARA COMBATER A DEPRESSÃO":...

... 90 minutos na natureza

Cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, demonstram que caminhar em ambientes naturais diminui a atividade neuronal na área do cérebro relacionada a doenças mentais
Caminhar por uma hora e meia em meio à natureza reduz os pensamentos negativos. Quer se livrar da depressão? Caminhe na natureza. De acordo com pesquisadores da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, 90 minutos andando entre árvores e arbustos diminui o nível de pensamentos negativos e reduz a atividade nas áreas cerebrais relacionadas a doenças mentais. O estudo, publicado no periódico Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS), na última semana, sugere que parques naturais próximos aos grandes centros são essenciais para manter a saúde mental dos seres humanos. "Nossas descobertas são importantes porque demonstram o impacto da natureza na regulação das emoções - o que pode explicar de que forma ela nos faz sentir melhor", diz o cientista Gregory Bratman, um dos autores do estudo. 
Humor urbano -Para chegar a essas conclusões, os pesquisadores partiram de estimativas de saúde globais, como as que mostram que pessoas que vivem nas cidades grandes correm risco 20% maior de desenvolver ansiedade e 40% maior de ter transtornos de humor. Para aqueles que nascem em ambientes urbanos e jamais saem das cidades, a probabilidade de desenvolver esquizofrenia é duas vezes maior.                Os cientistas decidiram, então, verificar se a exposição à natureza estaria ligada a essas estatísticas.                     
No estudo, dois grupos de participantes caminharam por 90 minutos. Um deles numa área repleta de carvalhos e arbustos e o outro, ao longo de uma rodovia com tráfego intenso. Antes e depois da caminhada, os pesquisadores mediram a atividade cerebral, os batimentos cardíacos e velocidade da respiração dos participantes. Ao fim das caminhadas, os cientistas encontraram poucas diferenças nas condições psicológicas dos caminhantes. No entanto, as mudanças cerebrais foram marcantes. Naqueles que caminharam no ambiente natural, a atividade neuronal na região do cérebro relacionada aos pensamentos negativos repetitivos diminuiu consideravelmente. Essa área é fortemente relacionada a doenças mentais, como depressão, e a altos níveis de angústia e ansiedade.                                                                                                                                    

terça-feira, julho 21, 2015

O berço dOs jOgOs OlímpicOs
Estamos há cerca de um ano da realização dos 36º jogos Olímpicos que este ano serão realizados em nosso Pais, na cidade do Rio de Janeiro,  No blog de hoje vamos contar um pouco da história destes jogos 
ORIGEM DOS JOGOS- Sediado na cidade de Olímpia, berço dos Jogos Olímpicos (foto), em homenagem a Zeus (deus supremo da mitologia grega), o festival Olímpico era muito antigo, mas foi a partir de 776 a C. (data da fundação dos jogos) passou a ser feito um registro ininterrupto dos vencedores. Sabe-se que no dia marcado para o evento, uma forte chuva desabou sobre Olímpia, limitando as competições a uma corrida pelo estádio. Registrou-se assim, a primeira notícia de um campeão olímpico. Tratava-se do cozinheiro Coroebus de Elis, vencedor da corrida de 192,27 metros. Alguns historiadores contudo, acreditam que as primeiras olimpíadas tenham sido bem anteriores ao feito do cozinheiro-atleta.
OS JOGOS NA ERA MODERNA: Após o banimento no final do século IV, os jogos foram reeditados em 1896 na cidade de Atenas, por iniciativa do educador francês Pierre de Frédy, o barão de Coubertin (foto), (1863-1937). Fascinado pelo comportamento dos gregos no passado, Coubertain convocou em 1894, uma reunião com delegados de 9 países, expondo seu plano de reviver os torneios que tinham sido interrompidos há 15 séculos. Nessa primeira Olimpíada da era moderna o atletismo destacou-se como principal esporte, sendo realizadas 12 provas, entre corridas, saltos e arremessos. Nessa época começam a surgir os ídolos, como o grego Spyridon Louis. Considerado o primeiro ídolo de uma Olimpíada, Louis venceu a maratona acompanhado de seu cachorro Zeus, e a ele dedicou sua vitória após ser ovacionado e receber inclusive, uma inusitada proposta de casamento. Pela a história dos jogos, pela inclusão de todas as modalidades esportivas, e com participação de atletas representantes de quase todo mundo, é o mais importante acontecimento do nosso Planeta,  como teremos o privilégio de acompanhar em nosso país a Rio-16

/* Atualizacao do Google Analytics em 25 de Outubro 2009 */