/* Excluido depois do Upgrade do Google em 25 de Outubro de 2009 Fim da exclusao */

terça-feira, março 30, 2010

INNSBRUCK, linda cidade histórica, com estação de esqui
Innsbruck é a capital do estado do Tirol na Áustria ocidental. Ela está localizada no Vale do Inn, no cruzamento com o Wipptal (Sill River, que dá acesso ao Brenner, cerca de 30 km a sul de Innsbruck. Situado no amplo vale entre montanhas altas dos Alpes, o Nordkette (Hafelekar, 2334 m) no norte, Patscherkofel (2246 m) e Serles (2718 m) no sul, é um renomado internacionalmente inverno centro desportivo, e acolheu a 1964 e 1976 Winter Olympics. A palavra vem do alemão bruck palavra Brücke significado "ponte", que leva a "a ponte sobre o Inn". Innsbruck é a única cidade histórica européia que é também estação de esqui (foto). Assim, oferece a combinação singular do esqui durante o dia e da ópera à noite. Em qualquer canto da cidade é possível apreciar a paisagem de tirar o fôlego das montanhas de Nordkette, normalmente ressaltadas pelo reluzente céu azul cobalto. Localizada na rota comercial Brenner Pass entre Itália e Alemanha, Innsbruck é cortada pelo rio Inn, que dá o nome à cidade.

segunda-feira, março 29, 2010

                                 OS ENCANTOS DAS SERRAS GAÚCHAS                        Entre natureza exuberante destacam-se belas cidades esplhadas por toda a Serra Gaúcha, como Gramado (foto) a mais destacada pela sua natureza e pela quantidade de hortências que emolduram de azul toda a cidade e a via de acesso, além dela, há outras cidades que oferecem grandes atrativos naturais, como Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Farroupilha e São Francisco de Paula, onde se localiza outra maravilha do Brasil o Canyon de Itaimbézinho...A Serra Gaucha possui uma imensa diversão paisagística, o que lhe confere as características e a beleza, exemplo nestas fotos que mostram a Cachoeira do Caracol e o o capricho do rio circundando a serra que recebeu o nome de Serra da Ferradura, são algumas das atrações da cidade de Canela a 10 km de Gramado. Mas é no inverno que a Serra Gaúcha atinge seu esplendor. No coração de uma região de verde exuberante, repleto de sinais e costumes trazidos pelos imigrantes europeus, as cidades desenhadas pela serra têm apelo turístico muito forte. Entre atrações naturais e uma culinária muito rica, vale conferir a elaboração dos vinhos e degustar o seu resultado, que ocorre nas cantinas, desde as mais rudimentares até as de tecnologia de.ponta. Como chegar: Vôos diários de São Paulo e Rio de Janeiro levam à Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul. A principal via de acesso para a Serra Gaúcha é a BR-116, depois é só pegar a linda rodovia das estâncias toda ladeada de hortências e chegar as mais importantes cidades da serra. Gramado por exemplo, está a 110km do Aeporto de Porto Alegre.

sábado, março 27, 2010

---FS---"Arquivos de um Repórter (S) e (D)

     
O NOSSO "DIAMANTE" AZUL
Brasileira e muito rara, a Turmalina Paraíba é uma das pedraspreciosasmais cobiçadas e a mais cara do mundo 










Turmalina Paraíba é a mais cara do mundo
Um grama da turmalina paraíba pode ultrapassar 100 mil dólares. Mais  rara e mais cara do que a maioria dos diamantes, a pedra está entre as dez gemas mais caras do mundo. Cada quilate chega a valer US$ 50mil.
Mas, afinal, o que significa a palavra paraíba?”, pergunta o Financial Times. Uma reportagem do diário financeiro britânico revela que o azul da turmalina retirada da mina da Batalha, no interior da Paraíba, virou moda na Europa. A coloração incandescente e única deve-se a uma combinação de traços de cobre e manganês dentro da pedra. Assim, paraíba tornou-se denominação de um tipo de azul, único no mineral encontrado por aqui.
Turmalina da Paraíba

Mais uma dentre as pedras preciosas e semi-preciosas encontradas no Brasil, a turmalina da Paraíba destaca-se pelo seu tom azul-turquesa radiante. As turmalinas são encontradas em praticamente todas as cores do arco-íris mas essa tonalidade de azul era desconhecida até a descoberta dessa variedade da Paraíba.
Normalmente, o que dá origem a coloração das turmalinas são os elementos ferro, manganês, cromo e vanádio.Mas, a gema paraibana, deve a sua cor magnífca a um elemento nunca encontrado antes numa turmalina, o cobre. Mais tarde descobriu-se que ela também contém manganês.
Em 2001, subitamente apareceram no mercado turmalinas azuis vindas da Nigéria e o estado brasileiro perdeu a exclusividade na produção dessas pedras.Foi uma surpresa intrigante.Como uma variedade rara poderia ser encontrada em continentes diferentes, com a mesma proporção de cobre e manganês, tão parecidas, que até cientistas têm dificuldade para mostrar diferenças entre elas?
Uma explicação bem plausível, é o da separação do supercontinente que existiu há 250 milhões de anos, a Pangéia. Pelo mapa podemos ver que a costa lete do Brasil encaixa-se na costa oeste da África com o nordeste brasilero ficando exatamente na região onde é a Nigéria. Então, é natural que essas duas regiões, hoje tão distantes, compatilhem dos mesmos elementos em sua formação, tornando o mundo das pedras preciosas ainda mais interessante.
A persistência para encontrá-la
O descobrimento dessa preciosidade só aconteceu graças à perseverança do garimpeiro Heitor Barbosa . Em 1981, ele se fixou na idéia de encontrar algo valioso em terrenos áridos de minas abandonadas em São José da Batalha, no estado da Paraíba. Barbosa passou cerca de sete anos escavando e explorando um poço até que, a 60 metros do solo, encontrou a turmalina Paraíba. 

sexta-feira, março 26, 2010

                                        OS REIS DA DOR DE CABEÇA
Setores de telefonia e financeiro lideram as reclamações nos Procons do País. Por que os serviços tão lucrativos destratam os próprios clentes?
São Paulo - Pelo quarto ano, a operadora Telefonica foi a empresa que mais gerou reclamações dos consumidores paulistas em 2009, segundo balanço divulgado nesta sexta-feira pela Fundação Procon.
"É de se lamentar que a Telefônica seja tetracampeã nesse ranking negativo", afirmou o secretáio de Justiça e Cidadania, Luiz Antonio Marrey.
Em segundo lugar está o bancoItau, seguido pela ELetropaulo Sony Ericsson e TimCelular. O levantamento mostrou que 45,80% das reclamações fundamentadas (aquelas que viram processos administrativos) recebidas pelo órgão são de empresas do setor de telefonia.
"Isso não é mera coincidência", disse o diretor-executivo da Fundação Procon, Roberto Pfeiffer. Segundo ele, a Telefônica não e a única preocupação do órgão.
"A Eletropaulo, que está em terceiro lugar, é uma preocupação gigantesca: é absurdo o aumento do número de reclamações".Na comparação com 2008, as reclamações contra a Eletropaulo aumentaram 203%. Comparado com 2007, o aumento foi de quase 500%.
Para Roberto Pfeiffer, as agências reguladoras, como Anatel e a Aneel, deveriam exercer mais pressão sobre essas empresas. O secretário Marrey considerou "absurdo" o silencio da Aneel.
"Foi descoberta uma cobrança indevida há mais de sete anos e até agora não temos uma solução definitiva", lembrou Marrey.Segundo o secretário, cumprir o Código de Defesa do Consumidor "não é nenhum favor".
"Queremos que as empresas cumpram sua obrigação”, disse Marrey, acrescentando que as multas crescentes não excluem a atuação das instituições reguladoras.
Em 2009 o Procon atendeu 533.805 chamadas, com reclamações e consultas sobre 2.925 empresas.
As que geraram mais reclamações foram aquelas cujos serviços não encontram concorrência ou que são incorporados no cotidiano do consumidor.

quinta-feira, março 25, 2010

 
A TRAGÉDIA RELEMBRADA 
Exatos 25 anos do fim da guerra, o principal personagem do drama que marcou a ferro  e a fogo o Vietnam e os Estados Unidos 
 
De todas as fotos das tragédias ocorridas no Vietenam, esta  por ser a mais conhecida, é também a mais intrigante de todas. Certamente muitos já a viram em todo o mundo, mas poucos conhecem a sua história. Para expicá-la, nosso blog sai da sua linha costumeira, para contá-la com realismo e mostrar um caso isolado das tragédias incontadas que as guerras produzem e procuram enterrar.
Na madrugada de 30 de Janeiro de 1968, por ocasião dos festejos do Novo Ano Lunar, celebrava-se o início de uma data sagrada para os vietnamitas quando as forças conjuntas do Vietnam do Norte efetuaram um ataque surpresa em todo o país na operação que viria a ser conhecida por Ofensiva Tet.
Este ataque atingiu a própria capital, Saigon, levando à conquista de muitas cidades e vilas do interior mas sem que se tivesse verificado a queda daquela cidade.
Apesar de não se poder considerar uma vitória militar para as forças norte-vietnamitas, os efeitos desta ofensiva na opinião pública norte-americana foram devastadoras na medida em que começaram a surgir as primeiras imagens de soldados americanos mortos, feridos ou estropiados naquele território hostil, desconhecido e distante, em regiões até então consideradas de pouco risco.
A 1 de Fevereiro de 1968, no terceiro dia da Ofensiva Tet, um fotógrafo, Eddie Adams, captou uma imagem que viria a ter um efeito ainda mais devastador entre o povo americano e que lhe conferia o prêmio World Press Photo daquele ano e, no ano seguinte, o prémio Pulitzer.
Nesse dia, duas armas foram disparadas ao mesmo tempo: - uma pistola e uma máquina fotográfica, tendo a bala disparada à queima-roupa perfurado a cabeça de um prisioneiro vietcong e a foto captado o momento exato da execução.
Os dois personagens desta história são o coronel Nguyen Ngoc Loam (E), chefe da Polícia Nacional da República do Vietnam, e um oficial vietcong capturado, o capitão Nguyen Van Lém (D).
De um lado, o braço esticado do executor, os músculos tensos, a mão agarrando a pistola com tanta força como se receasse falhar o alvo e, do outro, um jovem, mãos atadas nas costas, magro, pequeno, indefeso.
De um lado mostrando um rosto inexpressivo, frio, o rosto da morte, do outro, um homem a quem não era permitido, sequer, um gesto instintivo de defesa a não ser cerrar os olhos.
Após a execução, Nguyen Loam justifica-se dizendo que o outro também “tinha matado muitos de nós”.
Nguyen Loam veio a falecer em Julho de 1998, vítima de câncer, sem nunca ter sido julgado.
Em relação ao executado, nunca se soube se ele estivera realmente envolvido nos massacres de cerca de trinta e quatro oficiais sul-vietnamitas e respectivas famílias ocorridos nos dias anteriores em Saigon.
Não lhe foi dada a oportunidade de se defender num tribunal.
Esta fotografia trouxe ao povo norte-americano a história de uma guerra selvagem e gratuita, mudando a forma de encarar a campanha militar.
O seu autor, Eddie Adams, foi um dos fotógrafos mais famosos do último quartel do século. 

quarta-feira, março 24, 2010


UM PEQUENO MUNDO  REMONTA A PRÉ-HISTÓRIA
The Great Blue Hole - o maior buraco azul do mundo - é um escoadouro submersa ao largo da costa de Belize. Situa-se perto do centro de Lighthouse Reef, um pequeno atol de 60 milhas (96 quilômetros) a leste do continente Belize. O furo é quase perfeitamente circular de forma, O Blue Hole é o resultado do colapso repetido de um sistema de cavernas calcárias formadas durante menor nível do mar fica no decurso da última era glacial. e tem 1.000 pés (305 metros) de    diâmetro e 480 pés (146 metros) de profundidade.  
O bloco é o resultado de falha geológica que foi afundando na bacia ao longo do tempo geológico. Não é um lugar de fácil acesso. Este incrível fenômeno geográfico é um dos locais de mergulho mais impressionantes do mundo, cuja a descoberta foi do famoso oceanógrafo Jacques-Yves Cousteau. Em 1971, ele levou seu navio, o Calypso e seu primeiro submarino-homem para o buraco para traçar sua profundidade e examinar estalactites suspensos pendendo paredes.
                           
Conhecer The Great Blue Hole, é voltar no tempo e conhecer um lugar pré-histórico. A sua grande profundidade cria a cor índigo azul profundo, e cujas estruturas lhe conferiram o nome de "buracos azuis". Exceto por dois canais estreitos, cercados de coral do furo e quebrando a superfície em muitas áreas na maré baixa. Em toda parte habitam anémonas anéis e gobies neon ececutando o seu serviço de limpeza das cabeças de vários corais, como o Angelfish, butterflyfish, hamnlets. Garoupas pequenas também são vistas comumente. O Coral Elkhorn cresce à superfície e varre as gorgônias púrpura na superfície das águas calmas, com suas brilhantes cores ricas.
Em toda parte habitam anémonas anéis e gobies neon ececutando o seu serviço de limpeza das cabeças de vários corais, como o Angelfish, butterflyfish, hamnlets. Garoupas pequenas também são vistas comumente. O Coral Elkhorn cresce à superfície e varre as gorgônias púrpura na superfície das águas calmas, com suas brilhantes cores ricas.
As suas paredes são translúcidas a partir da superfície até uma profundidade de aproximadamente 110 pés (44 metros), onde você começa a encontrar formações de estalactite que lhe permite mergulhar abaixo de formações monstruosas. A água é imóvel e a visibilidade muitas vezes se aproxima de 200 pés (61 metros).
As áreas mais profundas dentro do Blue Hole não tem a profusão de vida associado à maioria dos drop-offs, como resultado da deficiente circulação das águas e pouca luz.
As áreas mais profundas dentro do Blue Hole não tem a profusão de vida associado à maioria dos drop-offs, como resultado da deficiente circulação das águas e pouca luz. Locais como este deveriam estar incluídos entre as Sete Maravilhas do Mundo. É protegido pela Audubon Society Belize e Belize é um Monumento Nacional. Tornou-se um sítio do Patrimônio Mundial em 1997.
Por milhões de anos, o Blue Hole foi uma caverna seca na qual predominavam enormes estalactites e estalagmites formados lentamente. Quando a última era glacial terminou há milhares de anos, o nível do mar subiu para cobrir a caverna. Ao mergulhar o Blue Hole, você nada sob o que resta do limite máximo de idade do Blue Hole para ler o restante nos estalactites e estalagmites.
COMO CHEGAR: De avião até Belmopam, caital de Belize. De lá até o recife de Lighthouse, 3 horas de barco a partir de Caye Caulker,

sábado, março 20, 2010

DUAS CURIOSIDADES PARA O SEU FIM DE SEMANA

Bangcok é apenas a abreviação do nome da capital da Tailândia , reconecido pelos "livro dos Recordes" como o maior nome de lugar do mundo, já que em tailandês possui 152 letras: KrungThep Mahanakhon Amon RaALAttanakosin Mahinthara Ayuthaya Mahadilock PhopNoppharat Ratchathani Udomra-tchaniwet  Mahasathan Amon Piman Awatan Sathit Sakkathattiya Witsanukam Prasit. Quer conferir se está certo?. O extenso nome representa  as qualidades da cidade e a devoção religiosa. Se fosse traduzido para o português, ficaria da "A cidade dos anjos, a grande cidade, a cidade que é jóia eterna, a cidade inabalável do deus Indra, a grande capital do mundo ornada  com nove preciosas gemas, a cidade feliz, palácio real enorme em abundância, que assemelha à morada celestial onde reina o deus reencarnado, uma cidade dada por indra e construída por Vishnukan.  Ufa!                       
                            LABIRINTO SUBTERRÂNEO
A mais extensa caverna do mundo, Mammoth Cave, está localizada no estado de Kentucky, nos Estados Unidos. Ela se formou, principalmente, pela dissolução de rochas calcárias, mas apresenta quase todos os tipos de formação. Além disso, tem a mais rica fauna e flora já encontradas em cavernas. A parte interna dela possui mais de 560 quilômetros de passagens subterrâneas e coredores até agora já explorados. Ela fica dentro de um parque, o Mammoth Cave National Park, onde é possível agendar visitas, feitas com guias e que incluem de 4 a 6 km de caminhadas dentro da caverna. Um dos pontos mais atrativos é o passeio aquático feito por um subterrâneo.    

sexta-feira, março 19, 2010

ATACAMA, O DESERTO MAIS ARIDO DO MUNDO
O deserto do Atacama, é considerado o mais árido do nosso planeta devido a sua escassa humidade. Em zonas mais extensas como a reserva natural uma área que ocupa 30km de largura por 70km de extensão, as chuvas são literalmente desconhecidas, mas em compensação a sua natureza é uma enxurrada de belezas exóticas poucas vezes encontradas em outro lugar do mundo.O Vale da Lua em dois momentos emocionantes. No entardecer (foto) e na seqüencia, a noite vai trazendo em seu manto (se você tiver sorte como nós) uma lua cheia, no momento que faz sua aparição por entre os vulcões, numa atmosfera límpida, que a torna maior e imaculadamente branca.Nesse momento inigualável, centenas de turistas não conseguem conter as lágrimas, e impelidos pela emoção aplaudem à aparição da lua cheia, que exibe toda a sua graça e a grandiosodade da natureza. Nas noites sem luar, a permanente transparência do ar da região, acentua ainda mais o brilho das estrelas que oferecem outro espetáculo inigualável, dando a sensação de que podemos alcançá-las com as nossas próprias mãos. Estes são os cenários que este deserto remoto e desolador oferece todas as noites com ou sem platéia. Quem tiver o privilégio de conhecer o Vale do Atacama, guardará para sempre em suas lembranças, as Lagunas Miscante e Miñiques, com suas águas de cor anil. As duas se unem para compor um único e paradisíaco cenário, a 4.200m de altura. As lagunas recebem água do degêlo dos vulcões que as cercam: O Vulcão Miscante (no centro da foto) tem 5.622m e o Miñiques 6.000m de altura. As belezas do Atacama são preservadas pela própria natureza, que a conserva inóspita, exótica, pura e extraordinariamente bela, mas aos poucos vai sendo descoberta por turistas especiais, que procuram reverenciar a natureza em seu estado primitivo.
(Reportagens: Roberto Ianelli Kirsten; fotos: Lincoln Kirsten; colaboradoras: Camila e Maria Alice)

quinta-feira, março 18, 2010

.

Calotas polares leste e oeste da Antártida estão derretendoA calota polar da parte oriental do continente antártico está afundando (foto), assim como a parte ocidental, segundo um estudo publicado pela revista  "Nature Geocience"
As calotas polares retêm enormes quantidades de água em forma de gelo. O degelo total da calota da Groenlândia (próxima ao polo Norte) provocaria uma elevação do nível dos mares de quase sete metros, e o desaparecimento da calota antártica (polo Sul) uma alta superior a 70m. "Os nossos  resultados mostram que a calota polar do oeste do continente antártico perde gelo a um ritmo acelerado desde 2005 ou 2006, enquanto o leste do continente deu sinais do mesmo tipo durante o período", afirma o estudo. "Estas mudanças são atribuídas a uma aceleração da perda de gelo nas regiões costeiras do leste do continente antártico", destacam os autores.
Antes de chegar a este resultado, que implica uma alta mais intensa do que o previso do nível dos mares em um futuro próximo, os cientistas colaboradores de Jianli Chen, da Universidade do Texas, em Austin (EUA), examinaram sete anos de dados transmitidos pelos dois satélites Grace entre abril de 2002 e abril de 2009.
Para o oeste da Antártida, a perda anual está avaliada em 132 gigatoneladas anuais, com uma incerteza de 26 gigatoneladas; para a parte oriental do continente, a perda é de menos de 57 gigatoneladas anuais, com uma incerteza de 52 gigatoneladas.Até agora, a parte oriental da calota polar era considerada em equilíbrio, com uma leve alta."A Antártida em breve pode contribuir de maneira significativa para a alta do nível dos mares", concluem os autores do estudo".

quarta-feira, março 17, 2010

ÓDIO E TERRORISMO
A internet pode ser um ótimo meio de troca de informações e contato entre pessoas, mas também funciona como campo de atuação de grupos que praticam a violência racial, o antissemitismo, a homofobia, o ódio e o terrorismo. Em 2008, cresceu 25% a presença desses grupos em sites de redes sociais, como Facebook, MySpace e YouTube, segundo relatório do grupo judaico de defesa dos direitos humanos Simon Wiesenthal Center.
O grupo, que há 10 anos monitora a rede mundial de computadores, localizou mais de 10 mil sites, grupos de redes sociais, portais, blogs, salas de bate-papo, vídeos e jogos eletrônicos promovendo o preconceito, principalmente, contra judeus, católicos, gays, mulheres e imigrantes. Entre os inúmeros exemplos está o jogo “Special Operation 85 – Hostage Rescue”, criado por uma organização iraniana, onde é preciso encontrar cientistas nucleares reféns de norte-americanos no Iraque e detidos numa prisão de Israel.
Em comunicado, o Simon Wiesenthal Center lamentou: “Cada aspecto da internet está sendo usado por extremistas de todos os matizes para reaproveitar velhos ódios, vilipendiar o ‘inimigo’, arrecadar fundos e, desde o 11 de setembro de 2001, recrutar e treinar terroristas para a guerra. Sérgio Amadeu, autor do livro “Exclusão Digital: a miséria na era da informação”, eslarece com justiça:
“Não é a internet que gera a prática antissemita. Ela reproduz a diversidade cultural do planeta. E, no momento em que há confrontos mundiais importantes, o uso da rede é mais intenso e rápido".
O especialista não acredita no predomínio destes grupos na rede. “A maioria das pessoas não é favorável a esse tipo de ação, que, no Brasil, se enquadra como crime no código penal”, finaliza. (Fonte FU)

segunda-feira, março 15, 2010

                         CIDADANIA ZERO
Antes mesmo de ficar toda pronta, a nova calçada da avenida Paulista, uma das mais movimentadas de São Paulo e do Brasil, já está lotada de chicletes e bitucas de cigarro. Jogar lixo nas ruas pode parecer um gesto banal, mas gera problemas nada desprezíveis. Numa pesquisa feita só entre os moradores de São Paulo, 76% admitem que já jogaram lixo no chão. Ironicamente, 44% acham a cidade “muito suja”. Para metada dos entrevistados, chicletes e papéis de bala são os campeões da imundície.
Além de deixar a paisagem feia, a sujeira jogada nas ruas obriga a Prefeitura a manter funcionários trabalhando apenas para limpar as ruas. Os 55 mil metros de calçadas da Paulista são varridos oito vezes por dia e elas nunca estão limpas.
O hábito de emporcalhar ruas – também é comum entr  motoristas lque lançam lixo pelas janelas dos carros – é uma questão de cidadania. Falta respeito a um espaço que é de todos, mas que muitos acham que é de ninguém. A socióloga Denise Almeida, da Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo, diz que essa noção de público e privado, no Brasil, é bastante distorcida. "Aqui, ainda vale a lógica do 'jeitinho': todo mundo quer se dar bem e tem dificuldade de pensar e agir para o bem do grupo. Isso é resultado de uma nação que historicamente tem baixa auto-estima. É aquela história: se nada funciona e ninguém faz nada, por que eu vou fazer?" Segundo ela, essa lógica, que tem, aos poucos, deixado de ser regra, tem a ver com impunidade e corrupção. E ainda há a questão ambiental. Cálculo da Companhia de Saneamento do Estado de São Paulo (Sabesp) demonstra que 35% da poluição acumulada no fétido trecho paulistano do rio Tietê não vem do esgoto, mas do lixo jogado nas vias públicas. Se a população não reavaliar hábitos, em 2015 esse lixo vai representar 65% da sujeira despejada no rio.
Um chiclete, depois de lançado ao chão, passa anos ajudando a entupir bueiros, o que agrava os problemas com enchentes, por exemplo. A goma demora cinco anos para desaparecer da natureza. Não é por acaso que, em Cingapura (Ásia), é proibido vender chicletes desde 1992. Quem for pego comercializando o produto por lá paga multa de US$ 5,5 mil (R$ 8,8 mil) ou passa um ano preso. No Brasil, pelo menos dois municípios – Vitória (ES) e Americana (SP) – adotaram multas de R$ 100 para quem joga lixo na rua.

sexta-feira, março 12, 2010

"Arquivos de um Repórter" - ESPECIAL - Saúde -

BATALHA DA DENGUE
O mosquito da dengue pode finalmente star com os dias contados. Cientistas norte-americanos e britânicos criaram uma linhagem do Aedes egypti cuja fêmea -responsável pela transmissão do vírus – tem as asas mais curtas e é impossibilitada de voar, o que a impediria de transmitir a doença e se reproduzir.Com a diminuição do número de fêmeas transmissoras, espera-se que, depois de 9 meses, os mosquitos que causam a dengue possam ser erradicados completamente.
Para chegar a este resultado, os cientistas alteraram geneticamente os mosquitos machos. Quando eles cruzaram com fêmeas selvagens, transmitiram seus genes aos descendentes. Então as fêmeas da geração seguinte não foram capazes de voar.
O estudo foi publicado no respeitado periódico científico norte-americano “Proceedings of the National Academy of Sciences” e a esperança dos pesquisadores é que o trabalho ofereça uma alternativa segura ao uso de inseticidas e possa funcionar para barrar outras doenças (como a malária) que também são transmitidas por mosquitos.
Apesar disso, o chefe da pesquisa, Luke Alphey, da Universidade de Oxford, na Grã-Bretanha, declarou que o foco do estudo é específico: “A tecnologia é totalmente voltada para uma espécie, já que os machos liberados vão cruzar só com fêmeas da mesma espécie.”
E ressaltou que uma das vantagens do método é que “todas as pessoas em áreas tratadas estarão igualmente protegidas, independente de suas posses, poder ou grau de instrução”.
A dengue afeta entre 50 e 100 milhões de pessoas no mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde, e não há vacina contra a doença.
Veja neste --Fim De Semana-- O MUNDO EXÓTICO DA CAPADÓCIA

segunda-feira, março 08, 2010

                                              ENCURTANDO CAMINHO
Pela primeira vez na história, navios cargueiros fazem pelo Ártico a rota entre a Ásia e a Europa. A proeza é uma triste consequência do aquecimento global. Essa redução de 5200 km representa muito para poucos. Mas quanto todos nós pagaremos por isso?

(*) No traçado vermelho, a distância entre Ulsan/Coréia e Roterdã/Holanda, passando pelo Nordeste. Distância 14800 km. Duração da viagem: 60 dias. (*) Distância (em preto à dir.) entre Ulsan e Roterdã (via Canal de Suez): 2000 km. Duração da viagem 70 dias.
O triunfo humano sobre as forças da natureza é, desta vez, um triste sintoma da saúde do planeta. Dois cargueiros alemães estão prestes a se tornar os primeiros a navegar por inteiro a Passagem Nordeste, como é conhecido o trajeto via Ártico entre os oceanos Atlântico e Pacífico. Essa rota marítima mais curta entre a Europa e a Ásia sempre foi um risco no mapa impossível de ser navegado. Durante o verão, quando a camada de gelo da calota polar se retrai, somente comboios liderados por navios quebra-gelo trafegam pela imensa costa russa – e apenas por trechos curtos. Essa situação já tem data marcada para acabar. Salvo algum contratempo imprevisível, os dois navios, que já ultrapassaram os trechos mais difíceis, devem completar a viagem até o fim do mês. E aqui está a má notícia: a proeza dos cargueiros alemães só foi possível devido ao encolhimento progressivo da calota polar do Ártico, provocada pelo aquecimento global.A temperatura no Ártico aumentou 2 graus no último século, o dobro da média mundial. O resultado é uma espiral de derretimento que reduziu a camada de gelo permanente em 40%. "Quanto menor a área congelada, menor a capacidade de reflexão dos raios solares. Ou seja, à medida que a área gelada diminui, a região absorve mais calor, aumentando a temperatura e acelerando o derretimento do gelo", diz o glaciologista Jefferson Simões, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, que já participou de três expedições ao Ártico. Em 2007 e 2008, a superfície congelada foi reduzida ao menor tamanho já registrado. A camada de gelo também está mais fina: sua espessura encolhe, em média, 17 centímetros por ano.
Toda a fauna adaptada ao clima único da região está ameaçada. As focas criam seus filhotes durante as primeiras semanas em placas de gelo flutuantes, para que acumulem gordura suficiente antes de se aventurar pela água gelada do mar. Alie-se a essa situação a falta de espaço para caçar. O degelo precoce dos glaciares pode resultar na separação prematura desses filhotes, diminuindo suas chances de sobrevivência. Estudos preveem que, devido à diminuição de seu território de caça, a população de ursos-polares estará reduzida a um terço da atual até 2050. Morsas, renas e baleias típicas da região também sofrem com os efeitos da mudança climática. Mas o impacto do derretimento dos polos não se limitará aos rincões frios do planeta. As calotas polares ajudam a manter o clima global ameno e alimentam as correntes marítimas, que redistribuem o calor pelo planeta. A Groenlândia, um imenso reservatório de água doce congelada, contribuiu sozinha para 20% do aumento do nível dos oceanos no século passado.
O paradoxo do aquecimento é que, conforme o gelo derrete, o Oceano Ártico se abre à navegação e viabiliza a exploração de riquezas até então intocadas. Estima-se que a região concentre 13% das reservas de petróleo e 30% de todo o gás natural do planeta. Cinco países que fazem fronteira com o Círculo Polar Ártico (Estados Unidos, Canadá, Rússia, Noruega e Dinamarca) disputam o controle desses recursos.

sábado, março 06, 2010

--FS-- "ARQUIVOS DE UM REPÓRTER"

ANTES DESTES E DE OUTROS GRANDES CORREDORES BRASILEIROS... 


CHICO LANDI (foto) CRIOU A PRIMEIRA EQUIPE BRASILEIRA NA FORMULA 1
Francisco Landi o CHICO LANDI (foto), nasceu em São Paulo, em 14 de julho de 1907. Ele foi o primeiro brasileiro a conduzir um bólido da equipe italiana, na temporada de 1948. Seu pioneirismo, contudo, não parou por ai. De 1952 a 53, comandou a Escuderia Bandeirantes, que deu à sofrida saga dos times nacionais na categoria máxima do automobilismo mundal. "Era uma equipe formada basicamente por pilotos, não contava nem com sombra da infra-estrutura hoje existente. Os carros eram comprados da "Maseratti", conta o empresário Luiz Landi, de 60 anos, filho do pioneiro desbravador. 
A Escuderia Bandeirantesparticipou de algumas provas no campeonatos mundiais de 1952 e 1953. Além de Chico Landi, defenderam suas cores o ítalo brasileiro Gino Bianco, o francês Philippe Etancelin, o uruguaio Heitel Cantoni e o holandês Johannes Flinterman. Utilizando os modelos A6GCM-6 da Masseratti, ela participou de cinco provas, obtendo como melhores colocações os oitavos postos de Landi, na Itália, e de Etancelin, na França, ambos na temporada de 1952, vencida pelo italiano Ascari.
O time brasileiro foi apenas um dos inúmeros que brotaram nos primórdios da Fórmula 1. A maioria era formada apenas pelo piloto e alguns ajudantes, que alugavam ou compravam uma máquina para disputar GPs esporádicos no campeonato. Melhor para a Alfa-Romeo, Ferrari, Mercedes-Benz e a equipe da fábrica Maseratti, que com melhores estruturas, reinaram absolutas nas primeiras edições do torneio. Melhor ainda para o argentino Juan Manuel Fangio, que conquistou nada menos que cinco títulos no período de 1950 a 57. "A diferença entre meu pai e Fangio é que argentino tinha patrocínio oficial do governo Juan Peron, o que sempre lhe permitia contar com bons equipamentos. Chico Landi competia sem a ajuda de ninguém, mas não se importava. Afinal  ele gostava mesmo era de correr ", assinala Luiz.       
Chico Landi repirou automobilismo por toda sua vida, abandonando as pistas somente em 1974, aos 67 anos. Morrreu em 1989, como desbravador disse que queria ficar eternizado na história do automibilismo nacional. Conseguiu: suas cinzas foram espalhadas no autódromo de Interlagos.

quinta-feira, março 04, 2010

Oito mortos e 20 desaparecido na Ilha de Robinson Crusoé

Localizada no arquipélago Juan Fernández, a ilha de Robinson Crusoe, com 93 km². Foi nela que o marinheiro escocês Alexander Selkirk, permaneceu por mais de quatro anos. Os relatos do navegante teriam dado vida a Robinson Crusoe, famoso personagem do livro de Daniel Defoe, que, por sua vez, deu nome à ilha.
Segundo arqueólogos franceses o tsunami que atingiu o Oceano Pacífico, deixou até o momento um saldo de oito mortos e vinte desaparecidos na ilha de Robinson Crusoé. (foto)
Pelo menos oito pessoas morreram (sendo 5 crianças) e vinte são consideradas desaparecidas, após a sequência de ondas gigantes que atingiu no sábado de manhã a ilha de Robinson Crusoé no Pacífico gerada pelo terremoto do Chile, segundo dois arqueólogos franceses que estavam no local.
Os dois arqueólogos, Charles Pinelli e Christian Peschang, foram contatados pela AFP em Santiago, de onde retornaram de avião para Paris.
"A metade da única cidade da ilha, San Juan Bautista que possui cerca de 700 moradores, foi arrasada pelo tsunami", indicou à AFP.
O registro anterior oficial, indicado pelas autoridades chilenas no domingo, era de 5 mortos e onze desaparecidos.
BRASILEIRO NO CHILE RELATA FALSO ALARME DE TSUNAMI 
"De repente vejo todas as pessoas correndo pela principal rua comercial de Viña (Calle Valparaiso). Todos corriam e diziam que vinha um tsunami! Situração terrível! Parecia a terceira guerra mundia. Todos corriam sem saber para onde ir. Então, eu resolvi entrar em uma rua fechada e aguardar o fluxo de água. Logo na sequência, policiais e bombeiros avisaram que havia sido um alarme falso", conta ao UOL o brasileiro Guilherme Rivera.
O EPICENTRO

O terremoto de 8,8 graus na escala Richter, ocorreu exatamente às 3h34 do último sábado (27/02), com epicentro no mar próximo a costa chilena, a 35 km de profundidade.
NA VIAGEM AO CHILE
Quando estive em Santiago, há cerca de um ano, percebi que era quase rotina na vida dos chilenos sentirem pequenos abalos a qualquer hora. Uma tarde como faço diariamente estava passando uma matéria para este blog quando senti um abalo mais forte: minha cadeira e o monitor penderam para a direita e o que estava sobre a mesa foi para o chão. Como noticiamos ontem, o Chile já registrou o maior abalo sísmico mundial quando foi atingida a marca de 9,5 na escala Richter. Por conta disso a Copa do mundo de 1962, quase deixou de ser realizada.

terça-feira, março 02, 2010

AR- Em tempo: Chile continua enviando  Exército às ruas após tremor. O número de mortos depois de terremoto de 8,8 graus chegava a 711; (às 20h30 de ontem). A população saqueia supermercados em cidades afetadas. Governo decreta estado de "exceção constitucional por catástrofe" nas regiões de Maule e Bío Bío; cidades têm toque de recolher imposto pelas autoridades; Apesar de toda essa catástrofe que está sendo vivida pelo Chile, esse não é o maior terremoto que o país enfrenta, embora seja o com maior número de vítimas e repercussão. Ondas destruidoras que seguem a um terremoto
O maior terremoto ocorrido no Chile o o mais intenso ocorrido em nosso planeta, foi no dia 22 de maio de 1960, e foi registrado na costa sul-central do Chile, um dos mais destrutivos tsunamis do século XX, que quase impediu a realização do Campeonato Mundial de 1962. Ao visitar o Chile recentemente, verifiquei que em todas as cidades praianas do Pacífico há placas (como a do lado), que orientam o público a direção de fuga, o que pode ser explicado pelos próprios números, enquanto o do Indico regstrou 9,3, o que ocorreu no Chile chegou a 9,5 de magnitude.
TSUNAMI
Causas - Um tsunami pode ser gerado por qualquer distúrbio que desloque uma massa grande de água, tal como um sismo (movimento no interior da terra), um deslocamento da terra, uma explosão vulcânica ou um impacto de meteoro. Os tsunamis podem ser gerados sempre que o fundo do mar sofre uma deformação súbita, deslocando verticalmente a massa de água. Os sismos tectónicos são um tipo particular de sismo que origina um deformação da crosta; sempre que os sismos ocorrem em regiões submarinas, a massa de água localizada sobre a zona deformada vai ser afastada da sua posição de equilíbrio. As ondas são o resultado da acção da gravidade sobre a perturbação da massa de água. Os movimentos verticais da crosta são muito importantes nas fronteiras entre as placas litosféricas. Por exemplo, à volta do Oceano Pacífico existem vários locais onde placas oceânicas mais densas deslizam sob as placas continentais menos densas, num processo que se designa por subducção. Estas zonas originam facilmente tsunamis.

Uma foto raríssima, tirada na costa da Ilha de Sumatra, na região asiática, atingida pelo Tsumani em 2004, mostrando uma impressionante onda de 32 metros. Ela foi encontrada num estojo de uma câmera abandonada. Provavelmente, quem obteve esta imagem dramática deixou de existir instantes depois.) SANTORINI - Estima-se que terá sido entre 1650 e 1600 a.C. que ocorreu uma violenta erupção vulcânica na ilha grega de Santorini. Este fenómeno devastador levou à formação de um tsunami cuja altura máxima terá oscilado entre os 100 e os 150 metros. Como resultado deste tsunami, a costa norte da ilha de Creta foi devastadaematé70kmdamesma. A explosão do Krakatoa - A ilha-vulcão de Krakatoa, na Indonésia, explodiu com fúria devastadora em 1883. Várias ondas tsunami geraram-se a partir da explosão, algumas atingindo os 40 metros acima do nível do mar. Foram observadas ao longo do Oceano Índico e Pacífico, na costa ocidental dos Estados Unidos, América do Sul, e mesmo perto do Canal da Mancha. Nas costas das ilhas de Java e Sumatra, a inundação entrou vários quilômetros adentro, causando inúmeras vítimas, o que influenciou a desistência da população em reabitar a costa, e subsequente êxodo para a selva.
O Terremoto do Índico de 2004 - Uma seqüência de tsunamis fatais, ocorreu neste seculo no dia 26 de Dezembro de 2004, provocando um número recorde de com fatais relatadas em mais de 285.000. Após a tragédia, várias organizações de ajuda humanitária e governos de vários países disponibilizaram ajuda. A maior doação particular foi feita pela guru indiana Mata Amritanandamayi, também conhecida como "Amma", a grande mãe.

segunda-feira, março 01, 2010

Poucos americanos acreditam no aquecimento global
Os cidadãos norte-americanos acreditam cada vez menos que o aquecimento global seja um problema grave e que existam provas concretas que o fenômeno está ocorrendo, revelou uma pesquisa publicada no final do útimo ano..
Realizada pelo Centro de Pesquisas Pew, o trabalho indicou também que, para grande parte dos norte-americanos, o tema da mudança climática não deveria ser uma prioridade para o governo -- mesmo quando a maioria não se opõe à aplicação de normas às emissões de gases poluentes --. A população dos EUA está mais cética sobre o clima
.
 Trânsito na av. 23 de Maio, em SP
A pesquisa mostra que apenas 35% consideram que o aquecimento global e a mudança climática é um problema sério, 9% menos que em abril do ano passado. Já 57% acreditam que existem provas sólidas que a temperatura do planeta aumentou nas últimas décadas. Na mesma enquete do ano passado, 71% dos consultados assinalaram estar convencidos de que o fenômeno estaria ocorrendo. A enquete revelou que 36% manifestaram acreditar que o aumento das temperaturas seja resultado da atividade humana, 9% menos que no ano passado.
No entanto, apesar do ceticismo que essa enquete revela, o Centro Pew indicou que 50% estariam de acordo que se aplicasse uma política para limitar as emissões poluentes, enquanto 39% estariam contra uma medida desse tipo.A pesquisa ouviu 1.500 norte-americanos adultos no final do ano passado.Mas os últimos fenômenos da natureza que estão ocorrendo nos últimos tempos, em várias partes do mundo, inclusive nos EUA, sugere que as próximas pesquisas deverão sofrer significativas alterações. 
/* Atualizacao do Google Analytics em 25 de Outubro 2009 */